Insights

Publicações - 03/04/20

Governo anuncia novas medidas econômicas para amenizar o impacto do coronavírus nas empresas

No dia 01/04/2020 (quarta-feira) o Governo Federal anunciou um novo pacote de medidas para combater os efeitos econômicos do Coronavírus. Abaixo listamos as novas medidas anunciadas:

  1. Adiamento da declaração do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física (“IRPF”) para o dia 30/06/2020;
  2. Adiamento do pagamento das contribuições ao PIS e da COFINS, bem como da Contribuição Previdenciária Patronal (“CPP”); e
  3. Editou a Medida Provisória nº 936, de 1º de abril de 2020 que visa assegurar a manutenção de empregos.

No que se refere aos itens 1 e 2 destacamos que o Governo Federal até o momento apenas anunciou as medidas, de maneira que se aguarda a publicação de veículo normativo, provavelmente uma Medida Provisória, dando aplicabilidade às medidas.

Um esclarecimento pertinente a ser feito sobre o adiamento da contribuição ao PIS, da COFINS e da CPP, é justamente o fato de que o Governo Federal anunciou o adiamento apenas dessas contribuições, de modo que o Imposto sobre a Renda da Pessoa Jurídica (“IRPJ”) e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (“CSLL”) não tiveram seus pagamentos suspensos.

Outro destaque é o fato de que o pagamento não será em dois meses consecutivos. Isso deve permitir uma melhor recuperação do caixa das empresas, já que o pagamento referente a abril será prorrogado para agosto e o pagamento referente a maio será prorrogado para outubro.

No que se refere aos impactos tributários da MP 936/2020 que visa assegurar a manutenção dos empregos, destacamos que o §1º, II, do art. 9º, acertadamente interpretou que os rendimentos pagos a título de ajuda compensatória possuem natureza indenizatória, o que afasta a incidência do Imposto sobre a renda, bem como não integra a base de cálculo dos tributos incidentes sobre a folha salarial, tampouco do valor devido ao FGTS. Além disso, as pessoas jurídicas tributadas pelo lucro real poderão deduzir do IRPJ e da CSLL, os valores pagos a título de ajuda indenizatória.

Por fim, aguardamos a edição de Medida Provisória que dê aplicação às medidas de suspensão do pagamento das contribuições mencionadas nesse texto.

A equipe tributária do Duarte Tonetti Advogados está disponível para maiores esclarecimentos, bem como para auxiliar nossos clientes parceiros a encontrarem alternativas diante do atual cenário, recentemente disponibilizamos em nosso website um material com algumas medidas para contenção da crise ocasionada pelo coronavírus, acesse clicando aqui.

Profissionais
Relacionados

Áreas de Atuação
Relacionadas

Cadastre-se e receba nossos comunicados.

Selecionar áreas de atuação de interesse